Páginas

sexta-feira, 5 de outubro de 2007

Brasil Império

Preferi dormir a tentar estudar.
Não conseguiria mesmo...
Às vezes, é melhor assumir a “malandragem”, deitar e dormir (bem) como o bom e velho irresponsável de sempre a bancar o bom menino e perambular, sem rumo, com um livro nas mãos. Geralmente, dormimos lendo ou lemos dormindo. E nem dormimos, nem lemos. Como aprender?
Na esperança de “acordar descansado”, o que a vida fez deixar de ser pleonasmo, programei o despertador para 18:30 h. Como de costume, não me lembro se ele despertou ou não. Mas acordei 18:48 h com o celular (nome que deram para o despertador que tira fotos...) nas mãos. Até então, tudo normal. Eu SEMPRE acordo depois do horário e segurando o aparelho (acho que eu aperto qualquer coisa para ele ficar mudo, mas a minha consciência mantém o “tic tic”...). O “estranho” ou engraçado foi que, vendo os algarismos na tela do telefone, eu me levantei apressado, precisava tomar banho para a aula de direção (e só depois dela eu estudaria) e, de pé, ao lado da cama, comecei a pensar...

“1848 primavera dos povos revolução praieira
regional separatista
elitista? mas tinha povo
já era dom pedro II porque o I abdicou em 1831 na época da outra revolução...”


Já com o chuveiro ligado:

“nossa dom pedro II governou muito tempo
ele ‘pegou’ em 1840 com o golpe da maioridade
porque quando o pai dele abdicou em seu favor ele tinha 5 anos
e os liberais (ou os conservadores) deram o poder pra ele aos 14 num jogo de interesses
e aí ele foi até 1889 quando disse ‘até tu deodoro?’
(o que deve ter sido bem engraçado)
mas ele já estava velho porque a isabel já tinha assinado a lei áurea em 1888
não sei quantos anos ela tinha
mas foi a única coisa que a pobrezinha fez de importante
mas espera se ele tinha 5 em 1840 nasceu em 1835 e tinha 54 em 89.”

As idéias foram diminuindo de velocidade lentamente:

“será que ele teve mais filhos?
o I teve um monte
se bem que não, né?!
mulheres ele teve várias que eu lembro (eu lembro?)
mas filhos pelo menos importantes só o II e a que eu não lembro o nome que ganhou o trono de portugal e teve que casar com o tio
ah isso mesmo!”

A caminho do espelho:

“aí o tio quis ficar com o trono e dom pedro (I) encarou
quis até mandar tropas brasileiras e abdicou do brasil
não tinha apoio.”

E, só quando vi refletidas as minhas olheiras, percebi o zumbi em que essas provas me transformaram...

“ah! deixa o dom miguel pra lá
porque isso já é outra história...”


E eu ainda preciso estudar Matemática!

Nenhum comentário:

Postar um comentário