Páginas

domingo, 5 de outubro de 2008

Duzentos!


Esse blog não tem muito nexo, eu concordo. Não se pode dizer que eu siga uma lógica, que eu tenha um estilo... nem mesmo que eu saiba o que faço. Até mesmo porque eu admito não saber. E esses posts comemorativos não permitem que eu me esqueça disso.

Tudo o que sei é que, como eu, tudo aqui está dividido em fases. Quem já leu tudo pôde perceber, nítida e claramente, as inúmeras e distintas fases que atravessei desde o dia primeiro de abril de 2007, quando, enfim, o dacoxia entrou no ar. Nem o título “hipotálamo” é dessa época.

Foram críticas aleatórias, desabafos emocionados, “declarações de desistência”, tentativas (sempre infrutíferas) de poesias, músicas, fotos minhas e do google... dezoito meses e 200 textos! Alguns muito bons, outros muito ruins, e uma grande parte absolutamente insignificante.

Umas duas desilusões “amorosas”, algumas decepções com amigos, um vestibular, um – primeiro – amor... o retrato fiel e cronológico da minha vida durante esse período. E eu jurei, tantas vezes, não fazer um “diário virtual”! Queria um blog impessoal, cheio de opiniões sobre coisas maiores que eu e blá blá blá.
Mas, muito mais que isso, ele tem sido meu melhor amigo. Meu ombro, meu abraço, meu ouvido... e, principalmente, meu terapeuta.

Agora, com a interatividade que os comentários atribuem à platéia. E é legal ver (e saber) quem passa por aqui. Eu me empenho em garantir que cada um encontre, para si, algo entre as minhas palavras. Que seja uma declaração de amor, um elogio, uma indireta ou alguma fofoquinha da minha vida a ser difundida em outros meios...
Eu gosto de gente lendo o que eu escrevo. Mesmo que para falar mal depois!

E tenho sido muito feliz com o blog. Parei de me cobrar clássicos da literatura, e a sinceridade que deixo transbordar vem justificando cada frase. Escrevo para mim, e, no máximo, aceito dividir isso com algumas – poucas – pessoas.

Esse é o ducentésimo post. E esses parágrafos aqui de cima foram apenas para te enrolar! Seria indelicado demais, da minha parte, pôr uma foto e escrever “duzentos, beijos!”, né?

Então...
DUZENTOS!
Beijos!
=)

7 comentários:

  1. Parabéns pelos duzentos... e pelo layout novo... e pelas fotos lindas!
    (Alguma chance de uma foto sua não sair linda?)

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelos duzentos... e pelo layout novo... e pelas fotos lindas!
    (Alguma chance de uma foto sua não sair linda?)

    ResponderExcluir
  3. - Parabéns pelos 200!

    Q layout LINDO!
    Alguém te ajudou a fazê-lo? hahaha
    TE AMO!
    ;*

    ResponderExcluir
  4. parabéns!

    bem, quanto ao teu comentário, sempre apostei em um segundo turno entre o Lacerda e Quintão, mas não achei que o Quintão chegaria com força e chances para vencer a eleição.

    mas, depois do debate da TV Globo Minas, a história mudou. agora, além de ter a chance de ganhar, particularmente considero-o favorito.

    ResponderExcluir
  5. Seu blog ta ainda mais bonito, nenem!
    Adorei!!!

    ResponderExcluir
  6. \o
    parabens pelos 200 posts
    mas estou msm admirada eh com a sua paciencia...poxa 18 meses
    eu ja to querendo paagar o meu d nv ^^
    gosto muito do seu blog, um dos meus favoritos....

    bjs

    ResponderExcluir
  7. vale ressaltar que, além do márcio, há algo que impulsiona o quintão: a linha populista. alguns já o estão comparando com o lula. exagero, em minha opinião.

    mas se continuar assim ele chega lá em breve. o certo é que ele encontrou o caminho sem precisar ter propostas efetivas para a cidade.

    vale lembrar que as respostas dele resumem-se a "isso dá pra fazer" e "gente cuidando de gente".

    ResponderExcluir