Páginas

terça-feira, 7 de outubro de 2008

Encruzilhadas

A vida é uma longa seqüência de escolhas. A todo instante, somos postos a prova. São caminhos que se cruzam sempre, obrigando-nos a optar por uma via, uma direção. E quase nunca é possível retornar.
Então, precisamos abrir mão de certas coisas na eterna busca por outras. É assim que vivemos. Se não podemos ter tudo, focamos os nossos anseios em algo – geralmente, aquilo que consideramos ser mais representativo para a consolidação do plano maior que nos mantém “aqui” – e nos dedicamos a ele, de corpo, alma e coração.
Não é difícil escolher. No fundo, cada um de nós sabe muito bem o que quer. O que nem sempre conseguimos é abrir mão das outras coisas em prol das que queremos. É difícil lidar com o fato de que não se pode ter tudo. E não se pode ter tudo, infelizmente!
Poucos são, entretanto, suficientemente fortes para escolherem o vermelho e suportarem as despedidas do azul, do amarelo, do verde... seres humanos são gulosos e egoístas. Esses poucos são, por isso, mais felizes. Quanto mais cedo percebermos – e aceitarmos – essa triste realidade, menos sofreremos por tudo o que não temos.
Não temos, não podemos ter e, por isso, não teremos nunca, a menos que abramos mão de algo que queremos mais. E não queremos isso, certo?
O que nos resta é viver com o que nos pertence – como se isso fosse pouco! – e aproveitar ao máximo cada instante. Por maior que seja a nossa ambição, somos todos felizes. Quem não é não vive, ou muda sempre de vida.



''O importante é estar pronto para, a qualquer momento, sacrificar o que somos pelo que podemos vir a ser''.



Charles Du Bois

4 comentários:

  1. "O que nos resta é viver com o que nos pertence – como se isso fosse pouco! – e aproveitar ao máximo cada instante. Por maior que seja a nossa ambição, somos todos felizes. Quem não é não vive, ou muda sempre de vida."

    viver é incrivelmente bom!

    mais nada a dizer, ^^

    ResponderExcluir
  2. =]
    obrigada pelo incentivo, o pior é que voce tem razao ^^ é um meio muito interessante de conhecer pessoas

    eu nao sou triste, eu fico triste as vezes [muitas pro meu gosto]ai eu escrevo pra passar mais rapido ^^
    gostei do comentario 'perdendo tempo com voce'

    ate mais

    ;]

    ResponderExcluir
  3. O único problema é quando trocamos uma coisa por outra e nos arrependemos. A gente não pode ter tudo mas tem que saber bem optar pelo mais favorável. E pra pessoas que mudam sempre reatar escolhas seria ótimo! E quem disse que dá?
    hahahaha

    Adoro seus textos, Caio
    :*

    ResponderExcluir
  4. É sempre bom ler o que vc escreve.
    Lindo texto! =)
    AMO VOCÊ.

    ResponderExcluir