Páginas

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Bad Day(s)

Atraso, trabalho, ônibus cheio. Manifestação fechando o trânsito, engarrafamento, mais atraso. Frustrações, renúncias, resignação. Você quer dar seu melhor, eles só precisam de números. Bolo dos amigos, almoço pouco emocionante, prazos e pequenas discussões.
Chefe cobrando, tempo passando, um sono absurdo. O humor oscila, bate a carência, a preguiça e a fraqueza. Mais trabalho, mais prazos, menos tempo, mais frustrações. Pode ser diferente, mas não será. Minoria.
Faça, volte, desista, obedeça, esqueça, entregue, escreva, corrija, confira, leia tudo outra vez.
Pra não ser tudo espinhos, você intercala esses momentos com chocolate. Dá dor de barriga.
Tem dias em que tudo resolve acontecer...

4 comentários:

  1. E se fosse tudo de bom, era melhor. Mas o ruim é que, quando tudo resolve acontecer é só coisa ruim...e de uma vez!

    ResponderExcluir
  2. Eu sempre achei que muita coisa ruim acontecendo é um arranjo para uma coisa muito boa acontecer. #Aforçadopensamentopositivo

    ResponderExcluir
  3. No fim tudo dá certo! É clichê, mas é nisso que preciso acreditar! ;)

    ResponderExcluir
  4. Nó! Isso é verdade demais!
    Na faculdade já fizemos provas serem canceladas no momento em que a professora entregava; já consegui ir para o Mineirão ver jogos que pensei que não veria porque tinha aula, mas o professor faltou...
    Verdade pura: no final, tudo dá certo

    ResponderExcluir