Páginas

domingo, 7 de junho de 2015

Um ano depois

Um ano depois, não sei com que sentimento anuncio que você estava errado. Há um tanto de gente capaz de me fazer tão feliz quanto - ou mais. Há gente até disposta a isso.
Quem estava certo, no fim das contas, era eu. Um ano depois, está mais que comprovado que ninguém é tão legal quanto você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário